Postado em: quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Reflexões Sobre a Graça - 44 - BOAS OBRAS

BOAS OBRAS
21/12/2017

É claro que as boas obras são parte do cenário do Plano de Salvação. Não há como negar isso. Resta, porém, entender, em que contexto o são.

O texto Paulino que é considerado o verso áureo da Graça na Bíblia, de modo esclarecedor tira as boas obras da função salvífica de "determinantes", mas, as coloca na função de "resultantes" da Salvação. Vejam, uma criança pode compreender isso facilmente:

"Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto [a salvação pela graça mediante a fé] não vem de vós, é dom de Deus; NÃO VEM DAS OBRAS, para que ninguém se glorie. Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus PARA AS BOAS OBRAS..." Efe. 2:8-10 (grifo meu).

Obediência (Boas Obras), pois, é fruto do Evangelho, e só acontece depois que aquele que foi salvo da condenação do pecado e justificado pela fé, passa, então, a viver a santificação. E é sempre uma resposta do homem ao grande amor de Deus, nunca uma moeda de troca com Deus na questão da Salvação.

Qualquer entendimento fora disso tira o valor do que Cristo fez por nós no Calvário, e significa salvação por justiça própria..

Mário Jorge Lima./ /
São Paulo, 21/Dezembro/2017.

Autor: Mário Jorge Lima
São Paulo, 21/Dezembro/2017.

“Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isso [a salvação pela graça] não vem de vós; é dom de Deus.” Ef. 2:8.

0 comentários:

Postar um comentário

Esse Blog não se prestará a polêmicas doutrinárias, é apenas devocional. Você não precisa concordar comigo e pode dar sua opinião livremente, se não for agressiva nem fugir aos princípios de convivência cristã, será publicada.