Postado em: sábado, 2 de julho de 2016

Reflexões Sobre a Graça - 31 - DEUS E NÓS

DEUS E NÓS
02/07/2016

Deus Se relaciona conosco, primordialmente, pelos parâmetros de Sua graça, pelo viés de Sua misericórdia, e não de Sua justiça. Davi já reconhecia isso no seu Salmo 103. Se Deus nos tratasse segundo os nossos pecados e de acordo com nossas iniquidades, teria que nos matar, não sobreviveríamos.

Segundo nosso grande poeta e músico, "o Senhor é misericordioso e compassivo, longânimo e assaz benigno" (v.8). E Deus age assim porque "Ele conhece a nossa estrutura e sabe que somos pó" (v.14).

Que cada um olhe para si mesmo, e com sinceridade e honestidade de propósitos, analise seus pensamentos, suas palavras e ações, suas mais escondidas motivações e intenções, e reconheça e entenda que Deus nos trata, não baseado naquilo que de bom fazemos ou podemos fazer por Ele, mas, sim, naquilo que Cristo fez por nós.

Mário Jorge Lima./ /
São Paulo, 02/Julho/2016.

Autor: Mário Jorge Lima
São Paulo, 02/Julho/2016.

“Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isso [a salvação pela graça] não vem de vós; é dom de Deus.” Ef. 2:8.

0 comentários:

Postar um comentário

Esse Blog não se prestará a polêmicas doutrinárias, é apenas devocional. Você não precisa concordar comigo e pode dar sua opinião livremente, se não for agressiva nem fugir aos princípios de convivência cristã, será publicada.