Postado em: sábado, 9 de agosto de 2014

Reflexões Sobre a Graça - 03 - JUSTIFICADO

JUSTIFICADO

Hoje cedinho, como faço todo dia útil, levei minhas filhas aos seus Colégios. E como sempre, também, parei numa ruazinha perto do Colégio Adventista do Brooklin-SP, num lugarzinho costumeiro, para falar com Deus. São momentos breves de que desfruto com frequência. É ali que faço minha segunda recarga diária das baterias espirituais. A primeira ocorre assim que acordo, antes de me levantar, e a terceira, logo que chego ao escritório, ainda sem atividades de trabalho.

Hoje senti Deus bem presente, ali ao meu lado, sentado no banco do passageiro, ouvindo meus pedidos, agradecimentos, bem como meu silencioso pensamento de louvor. Nesses momentos me sinto, ao mesmo tempo, bem fraquinho e bem forte, é uma sensação única. Chorei um pouquinho, orei por minhas filhas, por toda minha família, por amigos e irmãos. Não fosse a terrível barreira de ruídos espirituais que me cerca, queria muito ouvir a voz de Deus, ainda que num pequeno sussuro, a me dizer algo do tipo: "Não temas, chamei-te pelo teu nome, tu és meu!" Quem sabe, num dia desses qualquer, eu a ouça.

Durante boa parte da minha vida religiosa estudei doutrinas e profecias, li muito e ouvi muito sermões. Hoje, tudo que eu mais quero é apenas colocar em prática uma ínfima parte que seja, do muito que ouvi, do pouco que apreendi. Meu objetivo final de vida é me tornar, cada vez mais, como uma criança, no sentido de voltar a ter o coração aberto e me livrar das culpas. E isso não é pouca coisa. Eu quero entrar no Reino dos Céus, pois, como dizia Davi, "a minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo".

Há pouco tempo, fiz uma nova letra, para música do maestro Lineu Soares, que já está sendo cantada pelo Grupo Novo Tom, chamada JUSTIFICADO, veja a primeira apresentação dela no UNASP-EC, no link que disponibilizaram abaixo. Que me ouçam, anjos e demônios, sou um adorador do verdadeiro Deus, fui justificado por meio da fé, e tenho paz, doce paz com meu Deus. A graça multiforme de Deus me alcançou, e está disponível, salvadora, para todos os homens.

Não quero e não vou perder o trem expresso da justificação pela fé e da doutrina da salvação, coisa que já aconteceu no passado dessa igreja. Que o espírito de adoração, presente nas mensagens angelicais de Deus, faça sentido pra mim e pra todo que quiser.

JUSTIFICADO
Mário Jorge Lima / Lineu Soares

Justificado é ser declarado Justo, embora eu não seja.
Justificado é ser colocado no nível de Cristo Jesus.
Eu, por Sua graça recebo de graça
Seus méritos, Sua justiça,
E Deus me ama como ama Seu Filho,
Pois, nEle eu fui morto na cruz.

Justificado, por meio da fé,
Tenho paz, doce paz com meu Deus,
Nada mais me condena, Sua vontade é a minha:
Vida Eterna no Reino dos céus.

Justificado é não ser centrado nas coisas que eu devo fazer.
Justificado é ter o meu foco naquilo que Deus fez por mim.
E então depois que eu creio e recebo
Essa obra do Filho de Deus,
Nasce o bom fruto do Espírito Santo
E eu cresço na graça sem fim.

www.youtube.com/watch?v=xFNXlIaeM_4

Autor: Mário Jorge Lima
São Paulo, 21/Jun/2014.
“Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isso [a salvação pela graça] não vem de vós; é dom de Deus.” Ef. 2:8.

0 comentários:

Postar um comentário

Esse Blog não se prestará a polêmicas doutrinárias, é apenas devocional. Você não precisa concordar comigo e pode dar sua opinião livremente, se não for agressiva nem fugir aos princípios de convivência cristã, será publicada.